LFBR

Quem precisa de mapas?

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

em Sex 24 Jul 2020, 01:18




Aventura

Aqui ocorrerá a aventura do Caçador Klaus Ehrenberg, a qual não possui narrador definido.

ADM.Kekzy
ADM.Kekzy
300 Keks
Localização : Seul

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO
Admin


_________________
Quem precisa de mapas? Akira_11

"Talento, Honra e Lealdade"

em Qui 30 Jul 2020, 00:23

Os dias ultimamente eram simples, pescar algo para comer, aceitar qualquer tipo de trabalho pra conseguir algum trocado, ler um bom livro, às vezes até escrever algo - momentos estes de inspiração cada vez mais rara - e por fim, esperar. Esperar a poeira abaixar… As coisas acabaram se complicando demais na Noruega e talvez simplesmente desaparecer por um tempo fosse a melhor ideia. Ainda assim, depois de ouvir o discurso de Louis August III no funeral uma chama se acendeu dentro de mim e parecia se inflamar cada vez mais. ~ O que é uma dungeon? - Era a única pergunta que realmente valia a pena ser respondida e por incrível que pareça nossa socieda preferiu se adequar a ela ao invés de resolver esse enigma. Existem leis, comércio, carreira, fama e muito dinheiro envolvendo tudo isso, é quase como a descoberta da roda, eletricidade ou da internet . - Uma completa revolução acontecendo bem agora…

Vestiria um casaco meio surrado e dobrava as luvas com os dedos furados, deixando-as rentes em minhas mãos, era hora de ver isso com meus próprios olhos e tirar minhas primeiras impressões de todo esse panorama. Hoje iria apenas como um freelancer e deixaria toda essa questão de carreira e guildas para depois quando entendesse no que realmente estava me envolvendo. O destino? A Draw Sword, é claro. Para um experimento ser concluído com sucesso é necessário uma amostra  da realidade, e o que poderia ser mais real do que participar de uma incursão da guilda do caçador mais forte entre todos do mundo? Aliás, esse tinha sido um dos motivos para ter escolhido o Japão, isso e um possível asilo político caso necessário.

Sendo assim trancaria minha pequena cabana e iniciaria minha pequena viagem em direção a sede da guilda. No meio do caminho passaria em alguma papelaria ou loja de material de escritório e procuraria algum vendedor. - Gostaria de um caderno simples de capa de couro sem pauta, uma caneta e um lápis. - Pagaria o valor requisitado e faria um breve e educado aceno com a cabeça. Em seguida pesquisaria o endereço do meu destino em meu smartphone e me prepararia para uma longa e barata viagem de ônibus.




Histórico:
Personagem: Klaus Ehrenberg
Post: 01
Ganhos:
Perdas:
Relações:
Extras:
Axell
Axell
G$ 1,000

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO
em Qui 30 Jul 2020, 20:12

Clima: Agradável
De manhã
O jovem saía de sua cabana naquela manhã alegre, finalmente daria o seu primeiro passo para a jornada de aprendizado e exploração que tanto desejava. Seu pensamento quanto ao como deveria fazer era bem simples. Ir até a guilda mais forte de todas, confiança pelo menos ele tinha. Seus primeiros passos ao ar livre já eram facilmente direcionados para um tipo de loja específica.

Klaus aos poucos ia andando. A cidade de Sapporo era grande e por isso não deveria ser tão difícil de encontrar uma papelaria. A questão era quanto andaria para encontrar tal loja. Por sorte, graças ao seu celular percebeu que não era necessário andar muito. Alguns poucos quarteirões e acabava se encontrando de frente para a papelaria. Seu gasto era baixo e simples, com meros 4 Kek's acabava comprando o seu pequeno caderno, sua caneta e seu lápis (2 pro caderno, 1 para o lápis e 1 para a caneta).

Se conseguiria usar tal objeto em suas explorações das dungeons era uma incógnita que descobriria com o tempo e com a experiência. Só que o jovem Ehrenberg não esperaria que uma dungeon aparecesse me sua vida de forma aleatória, ele queria e ansiava por isso. Com seu celular em mãos pesquisou a sede da guilda mais poderosa do Japão. Não era surpresa alguma quando reparou que a sede na verdade ficava em Tóquio. Ali em Sapporo encontraria uma pequena filial.

O local era meio longe, mas nada tão absurdo quanto Klaus imaginava, a ida de ônibus para lá seria meramente uma meia hora, no máximo. E poderia falar isso com quase exatidão, o ótimo sistema público de transporte ali mostrava o horário de cada ônibus e parecia absurdamente pontual. Por isso, ao pagar (2 Keks) e entrar no ônibus pôde aproveitar a vista da janela por só algumas dezenas de minutos antes de se ver no ponto que deveria parar.

A filial da guilda Draw Sword era o próprio ponto de parada do ônibus. A filial ocupava um bom espaço no quarteirão, provavelmente um quarto dele. Obviamente era um local importante naquela cidade, ao ponto de ser determinado como parada do ônibus. Ao descer conseguiu reparar melhor na construção. Ela se destacava ali na cidade, pois tentava seguir uma arquitetura mais Xintoísta no meio daqueles prédios. Não parecia existir muito movimento no local naquele momento, só algumas pessoas entravam e saíam, talvez fosse muito cedo ainda.

Pepe
Pepe
G$ 1,000
Localização : Sapporo - Japão

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO

_________________
Quem precisa de mapas? CumUV0n
em Sex 31 Jul 2020, 01:13

Quem precisa de mapas? GyTW4grt


Ainda no ônibus abria meu caderno e começava a anotar alguns pensamentos que passavam pela minha cabeça, em especial, um tomava conta. “ Qual a sensação de matar? “ Já tinha caçado algumas vezes, mas sempre por necessidade, já agora eu estaria me voluntariando para enfrentar criaturas as quais eu não fazia ideia do que estavam fazendo aqui e talvez nem elas mesmo soubessem. Enfim, fecharia o caderno e me prepararia para descer, sabia que logo essa questão estaria respondida.

Não precisei nem me preocupar em achar o lugar e logo de cara era surpreendido pela arquitetura única do local, até mesmo no Japão era difícil algo assim. - Wow… - Com os olhos atentos tentando absorver toda informação possível e uma postura não tão confiante assim eu entraria na filial da guilda. Assim que visse uma espécie de recepção não exitaria em cumprimentar quem estivesse ali. - Olá, me chamo Klaus. Klaus Ehrenberg. - Tiraria uma das mãos dos bolsos e coçaria a cabeça meio sem jeito. - Eu gostaria de trabalhar como... freelancer? - Todo aquele vocabulário ainda era meio novo para mim e na verdade eu me sentia um pouco bobo, talvez eu tivesse ficado tempo demais longe da civilização e agora o preço do isolamento estava sendo cobrado. - Eu não sei o que você precisa, mas aqui estão meus documentos. Sou um mago rank C do tipo elementalista da luz, espero poder ajudar.

Leria brevemente todos os papéis e desde que não tivesse nada absurdo assinaria de uma vez, qualquer dinheiro que eu ganhasse seria bom sim, mas o foco agora não era esse. - Bom, eu sou meio novo nisso tudo... então se tiver uma equipe mais experiente para me colocar junto eu agradeceria. Não importa a dificuldade, eu quero aprender e ver a Draw Sword em ação! Sabe, eu viajei de muito longe pra isso. - Sorriria da maneira que só os Ehrenberg conseguiam, um sorriso amistoso, seguro, do tipo que sua vó dá para você.




Histórico:
Personagem: Klaus Ehrenberg
Post: 02
Ganhos: Caderno, caneta e lápis
Perdas: -6 keks
Relações:
Extras:
Axell
Axell
G$ 1,000

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO

_________________
em Sex 31 Jul 2020, 02:02

Clima: Agradável
De manhã
Sem hesitar Klaus entrou na filial da guilda e se dirigiu até a recepção. Sentia que seus passos estavam sendo facilmente visualizados pelos poucos que estavam dentro da guilda, pareciam avaliar a qualidade daquele homem que estava entrando.

Ao entrar na construção reparou que no interior a tecnologia reinava com facilidade, computadores na recepção, televisão e até telefones mais avançados, não combinavam muito com a arquitetura o local. Na pequena recepção, um homem o olhou com certa curiosidade. Ele era um japonês bem comum, num mundo mais cruel alguns falariam que ele era um homem genérico. Mas a realidade é que talvez ele não fosse genérico realmente, porém em pé, de frente para a recepção, havia outros dois homens que chamavam muito a atenção por causa da aura que simplesmente saía deles. O primeiro deles era musculoso, com uma cicatriz em seu rosto, e em seus braços, vestia uma roupa militar e parecia preparado para invadir algum lugar pantanoso pelas pesadas botas e a calça bem vedada em seus sapatos; já o segundo transmitia uma sensação diferente, como se ele fosse perigoso, não era por causa do tapa olho, na verdade era por causa de seu olho exposto, aquele olhar parecia perigoso para Klaus, tirando isso, o homem parecia bem normal, vestindo um terno parecido com o do homem genérico que era o recepcionista.

Se aproximando do recepcionista, o alemão explicava o que acabava indo fazer por ali. Todos os três pareciam escutar a fala dele atentamente, claramente estavam conversando sobre algum assunto importante antes dele chegar. O recepcionista realmente falava algo sobre protocolos de ter que assinar papéis para não serem responsabilizados. Papéis eram passados para Klaus que realmente percebia que parecia bem normal o contrato, só eliminando a responsabilidade da guilda Draw Sword por morte, desmembramento ou outros possíveis fatos horríveis que poderiam ocorrer com ele. Após assinar, passava o papel para o recepcionista e comentava sobre a dificuldade da dungeon não ser importante.

Aquela fala trazia sorrisos para o homem com o tapa-olho. Porém o caçador não falava com Klaus, falava com o recepcionista. - Qual a chance de você encontrar mais alguns caçadores rank-C para fechar aquela dungeon com a gente? - Perguntava ele vendo uma possibilidade eminente em sua mente. O recepcionista olhava para ele por um instante e aos poucos seus olhos se esbugalhavam percebendo o que ele havia falado. O homem começava a dar vários cliques para ver algo no computador que havia na recepção. - Diria que facilmente posso encontrar mais dois rank-C para irem com vocês. - Falou ele meio nervoso, com o medo de ter falhado em sua tarefa. - Isso bastara. - Falou o militar. - 3 rank-C com 3 rank-B são o suficiente. - Falou ele como se fizesse ajustes em sua mente. - Imagino que você não terá problemas em fechar uma dungeon rank-B, não é mesmo? - Perguntou o homem para Klaus com o olhar sério.

Após a possível resposta positiva dado o que ele falou no post dele.- Vamos tentar nos ajeitar para fecharmos isso no meio da manhã. - Falou o militar olhando para o recepcionista, quase que ordenando: "Ligue para os caçadores". - Vou ligar para Ogata Ran. - Falou ele pegando o celular e saindo do prédio da guilda. - Ótimo. - Comentou o homem com o tapa-olho com um sorriso. - Novato, você disse que o seu nome é Klaus, não é? Pois bem, você quer ver os mais experientes? Está com sorte. Verá três dos melhores. - Falava ele com um tom tão orgulhoso que beirava a arrogância. - Encontre-nos as dez da manhã no parque Maruyama. - Comentava ele. - E você, tenha certeza de ter o grupo para extração dos cristais. Não quero saber de atrasos. - Falava ele já saindo do prédio principal da guilda.


Legenda:
Homem tapa olho - Imagem Dele
Militar - Imagem Dele


Civis sem importância
Pepe
Pepe
G$ 1,000
Localização : Sapporo - Japão

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO

_________________
Quem precisa de mapas? CumUV0n
em Sex 31 Jul 2020, 16:52

Quem precisa de mapas? GyTW4grt


Acho que foi a primeira vez que realmente sentia aquela sensação única e praticamente indescritível, a da presença de seres poderosos, tão fortes que emitiam uma espécie de sinal. Será que eu também fazia isso? Será que eles me perceberam como eu os percebi? De qualquer forma eu lutava comigo mesmo para não demonstrar nenhum tipo de surpresa. Continuava lendo os papeis, fingindo que assinar um termo de responsabilidade de minha própria morte era algo comum, a naturalidade que todos lidavam com isso era surpreendente.

Não demorou muito e uma de minhas suspeitas se confirmou. Aqueles homens me viam como uma oportunidade, claramente toda a impressão que eu havia passado como um novato tinha despertado algo neles, a partir de agora seria um jogo perigoso e eu teria que tomar cuidado extra em cada movimento, ainda assim, estava disposto a jogar. - Estarei lá. - Diria unicamente encarando seus olhos, quase que em um desafio. Já tinha lidado com sujeitos desse tipo, eram surpreendentemente comuns em lugares com pouca organização política ou… em minas de pedras preciosas. Enfim, o segredo era deixar eles pensarem que estavam no controle, mas sempre estar um passo adiante.

Ficaria ali parado com ambas as mãos nos bolsos vendo os dois se distanciarem e quando isso acontecesse eu finalmente poderia respirar profundamente sem a pressão estranha daquela auras. ~ Quem são esses caras? ~ Essa pergunta talvez pudesse salvar minha vida. - Com licença, esses dois homens… Agora que eu aceitei entrar em uma dungeon com eles, bem, eu gostaria de saber quem eles são. - Esperaria a resposta e não revelaria muita surpresa independente de quem fossem. - Uma última pergunta, o que é um grupo de extração de cristais?

Voltaria para minha cabana, comeria e descansaria bem, sabia que o próximo dia seria uma espécie de batismo para toda uma nova vida. No dia seguinte iria até o local de encontro, mas manteria certa distância antes de me aproximar, tentando colher algumas informações sobre as pessoas que fariam parte daquele grupo para só depois me juntar.





Histórico:
Personagem: Klaus Ehrenberg
Post: 03
Ganhos: Caderno, caneta e lápis
Perdas: -6 keks
Relações:
Extras:
Axell
Axell
G$ 1,000

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO

_________________
em Sex 31 Jul 2020, 18:26

Clima: Agradável
De manhã
Com a sua resposta dada e com a saída dos dois caçadores, Klaus finalmente conseguiu respirar fundo, aqueles dois claramente não eram normais. Sentindo-se um pouco mais leve e até mais livre, seu pensamento acabava se focando no perigo eminente que parecia existir. Por isso, focou-se em indagar para o recepcionista quem eram aqueles homens.

O homem genérico acabou abrindo um sorriso. - São dois dos melhores caçadores da nossa região. E a Ogata Ran também. - Falava ele meio sem graça, porque claramente essa não era a pergunta que o alemão havia feito. - O homem com as cicatrizes é um tanque rank-B, ele se chama Muto Fumio... pode confiar nele, ele é muito focado em sua tarefa. - O tom de voz dele era bem confiante. - O outro é um reaper rank-B... - O homem dava uma pausa. - Ele não gosta muito que citemos o nome dele... então vou só o chame de O Insano. - Falava o homem meio sem graça. - Agora. - Ele abrir um sorriso ainda maior que ao ouvir a pergunta de quem eram aqueles homens. - Ogata Ran é uma maga como você. Desculpe te desmerecer, mas você não vai conseguir se comparar a ela. Tente não ser ofuscado demais... - Falava ele com um senso de poder realmente absurdo. - Apesar... você disse que queria aprender, então aproveite. Ela com certeza é um ótimo exemplo a ser seguido.

A excitação do genérico ao falar da maga era morta quando Klaus indagava sobre o que eram os tais coletores de cristais. - Nossa, mas você é realmente um novato. - Falou ele já até deixando os ombros caírem um pouco. - Todas as dungeons possuem cristais de mana. Quanto maior o rank da dungeon, maior a quantidade de cristais que existem. - Começava a explicar. - Dungeons de ranks B ou maiores possuem mais cristais do que seria cômodo para os próprios caçadores coletarem. Então nós contratamos caçadores de ranks baixos para coletar os cristais após os caçadores terem realizado a limpa quase completa, deixando somente o boss da dungeon para ser morto. - Falou ele em seguida levantando o seu dedo indicador da mão esquerda apontando na diagonal entre Klaus e o teto. - Ouviu bem? Não mate o boss antes dos coletores terem feito seu trabalho. Ou a dungeon irá desaparecer dentro de uma hora. Ninguém sabe o que acontece quando a pessoa fica dentro dela e desaparece. - Com a explicação Klaus voltava para sua cabana, onde acabava precisando pagar mais 2 Kek's.

A ansiedade do jovem era tamanha que ele simplesmente não se importava em fazer nada realmente importante pelo resto do dia.

No dia seguinte, Klaus saía de sua cabana e pegava outro ônibus (mais 2 kek's) para ir até o parque Maruyama. A primeira coisa que chamava a atenção do alemão ali era quão bonito o local era. Sua vegetação era bem cuidada e o clima atual ajudava muito nesse quesito, as árvores mantinham o ambiente bem esverdeado.

Quem precisa de mapas? Maruyamaparuk_sub2-360x270

E era entre todas as árvores que Klaus via uma aglomeração de pessoas pisando na grama e aparentemente sem se importar muito com o bem estar do parque. Mas o motivo para isso era óbvio, Ehrenberg via o portal que entraria pela primeira vez. Via os dois caçadores que conhecera no dia anterior lá na frente, eles conversavam com outros caçadores. Muitos outros. Provavelmente a equipe de coleta estava por ali também.

Parecia que Klaus não conseguiria ver com quem entraria primeiro, mas talvez isso não importasse muito, pois acabava por ouvir uma voz nas suas costas. - Vou imaginar que você não seja só um caçador curioso. - A voz era amigável e quando o alemão se virasse veria a bela mulher a sua frente. O cabelo escuro e comprido com as roupas vermelhas combinavam com o rosto fino e com seus olhos azuis. Apesar da amigabilidade de sua voz, era evidente para o mago da luz que ela era uma caçadora também, tão forte, ou até mais forte do que aqueles dois que conhecera no dia anterior. - Você pode se aproximar. Vamos acabar com aquela dungeon rank B daqui a pouco. - Falava ela calma, como se fosse algo normal. - Não se vê algo do tipo todo dia. - Falava ela passando por ele e se dirigindo para o portal, aos poucos pisando na bela grama que ia sendo estragada pelo tanto de caçadores que haviam por ali.


Legenda:
O Insano - Imagem Dele
Muto Fumio - Imagem Dele
Mulher Desconhecida - Imagem Dela


Civis sem importância
Pepe
Pepe
G$ 1,000
Localização : Sapporo - Japão

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO

_________________
Quem precisa de mapas? CumUV0n
em Dom 02 Ago 2020, 01:42


Quem precisa de mapas? GyTW4grt


Ok, talvez eu realmente fosse novato demais em tudo isso e, aparentemente, as pessoas não tinham muita paciência para quem estava começando e isso era algo para se refletir. Mas não agora, nesse momento eu só queria aproveitar a vista de Sapporo e aproveitar minha última tarefa comum, como andar de ônibus, antes de entrar em uma dungeon com outros caçadores e enfrentar alguns monstros.

O clima no parque era agradável e me lembra dias mais calmos e isolados de toda a civilização em sua infância, bons tempos que passou com seus pais em meio a natureza e aos próprios cuidados. A lembrança durou pouco, pois um grupo de pessoas estranhas e que obviamente eram caçadores - já que havia um portal à frente deles - me traziam de volta a realidade. De uma hora para a outra tudo isso não pareceu importar muito, não depois da voz única daquela mulher. Apenas a encarava, sentia a pressão que ela emitia com sua aura, mas dessa vez a aceitava em vez de lutar contra. ~ Ogata Ran ~ Não  precisava de apresentações, estava muito claro quem ela era.  

Depois de observar de cima abaixo se distanciar por alguns instantes eu sentia uma espécie de excitação diferente e um leve sorriso aparecia involuntariamente em meu rosto. Estava empolgado por estar prestes a fazer algo completamente novo, por dar o primeiro passo em um grande mistério e provavelmente evoluir como pessoa, estudioso e guerreiro no meio disso tudo e agora, empolgado também para poder ver ela em ação. Pisaria na grama do parque sem pudor algum e me apresentaria junto dos demais, quando visse os dois caçadores de ontem apenas acenaria discretamente para eles e diria: - Estou pronto.

Caso me passassem alguma instrução eu a seguiria, mas tomaria cuidado para não ficar super exposto logo de cara, então se me mandassem para linha de frente ou para entrar na frente de todo mundo eu recusaria, mas se me colocassem junto de algum rank B e em uma situação que fizesse sentido com o pouco que sei, iria mesmo com o perigo. Tudo seria perigoso de agora em diante.

Histórico:
Personagem: Klaus Ehrenberg
Post: 04
Ganhos: Caderno, caneta e lápis
Perdas: -10 keks
Relações:
Extras:
Axell
Axell
G$ 1,000

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO

_________________
em Dom 02 Ago 2020, 02:28

Clima: Agradável
De manhã
Se o jovem estava hesitante, acabou mudando para um estado mais puro de excitação. Aos poucos começava a andar na direção da moça e dos outros caçadores. Aquela maga era claramente poderosa, qual seria o problema de se aventurar e só aceitar? Já havia até mesmo assinado um contrato não é mesmo?

Enquanto se aproximava via todos os olhares dirigidos a Ran, obviamente, quem era ele na fila do pão. Percebeu que os caçadores que ali estavam em sua maioria não possuíam nenhuma arma. Possuíam picaretas e outras ferramentas para extrair literalmente pedras preciosas das paredes. A situação mudava um pouco quando finalmente chegava ao grupo principal de caçadores. Animado falou que estava pronto para partir. - Bom, estamos todos aqui finalmente. - Falava Fumio observando a animação de Klaus. A primeira coisa que o jovem percebia é que havia um número ali maior do que o dito no dia anterior. Além dos três rank-B, havia ele e mais três pessoas, sendo que ele lembrava-se claramente do pedido ter sido feito para 3 B e 3 C.

- Bom, antes de entrarmos, gostaria de que todos nos apresentássemos. - Falava o homem sério. - Como vocês sabem, a partir do momento que entrarmos nossas vidas vão ficar em risco, é necessário que conheçamos o poder de nossos colegas e possamos confiar uns nos outros. - Ele dava uma pequena pausa, esperando que alguém ali se apresentasse, mas a real é que essa "pequena pausa" era tão pequena que ele simplesmente continuava a falar. - Eu sou o tank do grupo, Muto Fumio, podem me chamar de Muto, de Fumio, de Muto Fumio, de você, de tank. Só quero que o healer saiba o que está fazendo. - Falava ele meio ríspido olhando para os quatro, como se tentasse lembrar qual deles era o healer do grupo.

Foi nesse momento que um menino bem mais novo do que Klaus dava um passo a frente, o sorriso era bonito e ia de orelha a orelha. - Sou Ohno Zeshin. O healer rank C. Pode deixar comigo. - Naquele momento todos os dois homens rank B olhavam para o menino com um olhar bem estranho. - Haviam me informado que o nosso Healer era um homem mais velho e experiente. - Comentava o reaper, não era nem um tom de reprovação, era mais um tom de questionamento, querendo entender o que havia acontecido. Foi quando um outro homem do grupo dava um passo a frente e falava. Ele tinha uma pistola em um coldre, vestia roupas que realmente pareciam de policial. Seria uma fantasia ou que ele havia saído de outro possível trabalho para ir até ali? - Desculpa a intromissão. Sou Ohta Rinji. O healer seria o meu pai, infelizmente ele acordou super indisposto hoje e pediu para que o pequeno Zeshin fosse no lugar dele. - Informava, o homem parecia com medo do Insano a sua frente. - Meu pai indicou que eu viesse junto para proteger o healer graças a diferença de experiência. Sou um ranger rank-C. - Completou ele. - Sem problemas. - Falou o tank rápido antes que o reaper se pronunciasse novamente. - Vocês dois. - Falava ele olhando para Klaus e para uma moça que estava ali.

A moça dava um passo a frente, ela também era bonita. Possuía uma espada longa, uma saia e uma armadura para a parte superior. - Me chamo Hirata Ryo. Sou uma fighter rank-C. - Falou ela de forma simples e quase sem comentar mais nada. Era então a vez de Klaus. Que se apresentou como o mago rank C que é. - Eu também sou maga. Me chamo Ogata Ran. Sou rank-B. - Comentava a moça com um sorriso que parecia esquentar o ambiente ali. - Meu nome não importa. - Falava o reaper. - Sou um reaper rank-B, se tudo ocorrer bem vocês não irão nem mesmo me ver. - Comentava ele sem preocupações. - Bem, com a adição de um healer sem experiência... - Começava a falar o homem olhando para Klaus depois. - São dois sem experiência aqui. Então vou especificar algumas coisas aqui. O importante é a segurança de nossos membros como um todo sempre, mas protejam sempre o healer, sem ele nós já éramos. - Comentava ele.

O tank dava alguns passos na direção do portal. - Eu sempre estarei na frente. Imagino que você logo atrás de mim. - Falava o homem olhando para a Fighter. - Os magos podem ficar cada um de um lado do healer e o ranger atrás de todos nós. - Comentava ele para todos organizando o time de uma forma bem lógica. - Já você... - Falava ele olhando para o reaper. - Faça o que quiser. - Falou ele.

A organização do time parecia bem lógica e correta. E foi quando Klaus deu mais alguns passos para frente que começou a notar a energia que o portal em si emitia. Não que fosse pouca, mas era interessante como o seu foco inicial era nos caçadores a sua volta. Todos ali pareciam fantásticos a sua própria maneira.

Viu o tank passando pelo portal e depois cada um deles foi passando pelo portal. A primeira coisa que notou ao passar foi a mudança do clima. O local era um pouco mais frio, o chão era de pedra, o ambiente era mais azulado. Esse último era fácil determinar o motivo, a luz ali era proveniente dos cristais de mana. As paredes também de pedra e percebeu que era um ambiente até bem cuidado. Era um cômodo retangular e parecia até mesmo como um mero cômodo para descanso quase de tão calmo que o ambiente ali era. O som dos caçadores do lado de fora havia desaparecido.

Quem precisa de mapas? Parte_10

A luz ali era aceitável, mas logo a frente e a esquerda do portal viam-se dois possíveis caminhos para seguirem. Ambos os corredores possuíam em seu final uma sala com bastante luminosidade, porém Klaus ainda não via e nem sentia nenhum monstro por ali. - Interessante... - Falou o tank. - Não sinto nada realmente poderoso por perto. - Dizia ele calmo. - Vamos nos divertir um pouco. - Ele falava e se virava. - Novatos, por qual corredor vocês querem seguir?


Legenda:
O Insano - Imagem Dele
Muto Fumio- Imagem Dele
Ogata Ran - Imagem Dela
Hirata Ryo - Imagem Dela
Ohta Rinji - Imagem Dele
Ohno Zeshin - Imagem Dele


Civis sem importância

Party:
Tank:
Nome: Muto Fumio
Rank-B
Quem precisa de mapas? 12dbd45586bd252289c1258436831af7

Reaper:
Nome: O Insano
Rank-B
Quem precisa de mapas? 9192dabf6e599f0f7cf19fb0010e1a02

Maga de Fogo:
Nome: Ogata Ran
Rank-B
Quem precisa de mapas? B1c4560109dbe2845679c71741467609

Fighter:
Nome: Hirata Ryo
Rank-C
Quem precisa de mapas? 96dc8fe84590856557981f2497d5ab48

Ranger:
Nome: Ohta Rinji
Rank-C
Quem precisa de mapas? 3c8171fc27facaf212b1c9d6fe8fa7fb

Healer:
Nome: Ohno Zeshin
Rank-C
Quem precisa de mapas? 554df466a83fe3e6cbe31df82e1456aa


Pepe
Pepe
G$ 1,000
Localização : Sapporo - Japão

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO

_________________
Quem precisa de mapas? CumUV0n
em Ter 04 Ago 2020, 15:31


Quem precisa de mapas? GyTW4grt


Meus olhos iam em cada um à medida que falavam, tentava entender nas entrelinhas o real papel de cada um e quão dispostos eles estavam em cumpri-los. Ao que parecia não tinham muita expectativa sobre mim e talvez fosse melhor assim… teria mais espaço para observar e quem sabe até os surpreenderia em algum momento. Discretamente estalava os dedos em um movimento quase que involuntário, meu corpo parecia sentir a adrenalina crescendo e já começava a se aquecer para ação eminente.

Mas para minha surpresa o que senti foi algo completamente único, uma troca de energia sem igual entre mim, o portal e os caçadores, algo tão forte que reverberava e fazia meus membros formigarem. Será que eles também sentiam isso? Agora não importava tanto porque daqui a alguns metros estaríamos em um mundo completamente novo.

Wow… - Deixava escapar assim que meu corpo cruzava completamente o portal e eu sentia toda aquela nova atmosfera. Meus olhos corriam de um ponto a outra tentando entender tudo aquilo, a temperatura, a densidade do ar, a iluminação, aquilo era um ambiente a parte e de nada dependência do parque a alguns centímetros de distância.

Vamos em frente. - Diria com confiança antes que o garoto respondesse e pouco me importando se ele realmente tinha algo a dizer. Eu só queria explorar mais a fundo esse lugar.

Caso passasse perto de algum cristal enquanto caminhava o tocaria suavemente, apenas para sentir seu calor e sua textura. O mesmo faria com as paredes e até mesmo com o chão, sentindo bem sua dureza e tentando imaginar de que tipo de material era feito tudo aquilo. Mas aquilo não era um passeio e eu estava ali por um motivo, me manteria em alerta, pronto para reagir caso fosse necessário. Em especial, se visse algum ponto suspeito e escuro, usaria minha magia de luz para o iluminar concentrando meu poder na ponta de meu dedo e o apontando.

Não faria nenhum tipo de pergunta idiota agora e concentraria meu aprendizado em Ogata Ran, observaria com cuidado como a mesma se movia e o que chamava sua atenção. Mais tarde também tentaria entender como se posicionava em combate e quais eram os reais objetivos de um mago dentro de uma dungeon.




Histórico:
Personagem: Klaus Ehrenberg
Post: 05
Ganhos: Caderno, caneta e lápis
Perdas: -10 keks
Relações:
Extras:
Axell
Axell
G$ 1,000

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO

_________________

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Voltar ao Topo


SLRPG :: MUNDO :: JAPÃO

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Layout desenvolvido por Roevs, Remenuf e Mizzu
SOLO LEVELING RPG (2018 - 2020)